Dados Globais sobre os Membros da Igreja e a Dieta

Na semana passada, falamos sobre a importância da Mensagem de Saúde e o modo como as pessoas ao redor do mundo entendem seu propósito: um de seus principais aspectos é a ênfase em uma dieta pura e saudável. Embora a Igreja Adventista não proíba o consumo de carne, muitos adventistas optam por adotar esse estilo de vida. De acordo com os Ministérios da Saúde Adventista da Associação Geral, “razões comuns para a escolha de uma dieta vegetariana incluem preocupações com saúde pessoal, crenças religiosas, questões éticas relacionadas ao bem-estar dos animais, preocupações ambientais e razões econômicas e filosóficas.” As pessoas—dentro e fora da Igreja Adventista—escolhem evitar carne por uma variedade de razões diferentes. Ainda assim, um número significativo de membros da igreja escolhe limitar sua ingestão de carne. Como parte da Pesquisa Global de Membros da Igreja de 2018 (GCMS), membros de todo o mundo foram questionados sobre sua dieta (Q46). Cinco por cento dos entrevistados em todo o mundo disseram que são veganos e outros 14% relataram que são vegetarianos. Além disso, 11% disseram que são pescetarianos—isto é, comem peixe, mas não consomem nenhuma outra carne. Quase um terço (32%) dos entrevistados disseram que comem carne uma vez por semana ou menos e cerca de um quarto (24%) comem carne poucas vezes por semana. Quatorze por cento dos entrevistados disseram que comem carne na maioria dos dias da semana.

Uma das razões pelas quais os membros da igreja em todo o mundo tendem a limitar sua ingestão de carne é por causa das correlações bem documentadas entre comer carne e vários tipos de doenças. Por exemplo, os Ministérios de Saúde Adventista relatam:

Evidências científicas acumuladas ao longo do último meio século mostraram conclusivamente que uma dieta vegetariana bem balanceada não é apenas nutricionalmente adequada, mas também traz benefícios para a saúde. Muitas doenças crônicas (como doenças cardíacas, derrame, câncer, diabetes tipo 2 e obesidade) podem ser prevenidas ou controladas seguindo uma dieta vegetariana. Dietas vegetarianas bem planejadas mostraram-se apropriadas para os indivíduos em todas as fases do ciclo de vida, incluindo gravidez, lactação,infantil, meninice, adolescência, além de apoiar o melhor desempenho atlético. (Associação Geral dos Ministérios da Saúde Adventista, 2017)

Além disso, os benefícios de uma dieta vegetariana são bem demonstrados na vida das pessoas em Loma Linda: uma área chamada “zona azul”, onde as pessoas vivem cerca de uma década a mais do que a população média. Juntamente com um dia de descanso semanal aos sábados, exercícios regulares, uma atitude positiva, etc., a dieta deles durante a maior parte de suas vidas era composta principalmente por vegetais (33%), frutas (27%), grãos integrais (7%) e nozes. e sementes (2%), leguminosas e soja (12%) e de muito pouco alimento animal: 5% de carne, frango, peixe e 10% de produtos lácteos. Você pode ler mais sobre este estudo e os benefícios para a saúde da ingestão regular de frutas, verduras e nozes em https://www.bluezones.com/exploration/loma-linda-california/

Quando você considera sua própria dieta—como também as demais escolhas de estilo de vida—você sente que está vivendo em seu pleno potencial físico? Se não, que escolhas você acha que poderia fazer para permitir que você vivesse uma vida mais saudável e satisfatória? Afinal, “... não sabeis que o nosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? 20 Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus.’’(1 Coríntios 6: 19-20).

Não perca nosso próximo blog, no qual discutiremos algumas opções mais saudáveis ​​(ou de outra forma insalubres) que membros da Igreja Adventista praticam em relação a substâncias como álcool e tabaco.

Para obter mais informações sobre GCMS 2013 e 2018, leia as seguintes apresentações do Dr. David Trim, do Departamento de Arquivos, Estatísticas e Pesquisa:

Annual Council 2013 Research Report, David Trim

2018 Annual Council - Global Church Member Survey Data Report | [Watch Video]